Esta casa foi-me oferecida, em tempos, pela minha namorada como prenda de Natal. Cresceu, sobreviveu e continua a resistir…
É apenas mais um blog que fala de coisas, coisas que, por vezes, estão ligadas ao dia-a-dia de duas mulheres que vivem juntas e acreditam que têm uma vida exactamente igual à da maioria dos casais, apenas com a diferença de lá por casa o tampo da sanita nunca ficar para cima :P


sábado, 10 de setembro de 2011

1.ª tentativa de andar de bicicleta

Depois de mais um cancelamento do voo de parapente devido ao tempo, resolvemos que íamos finalmente aventurar-nos na nossa tentativa de aprender a andar de bicicleta.

Trajámo-nos a rigor, capacete incluído. Optámos por levar apenas uma bicicleta, porque assim enquanto uma tenta a outra está de prevenção, caso seja necessário chamar a emergência médica :P

Agarrámos na bicicleta, levámo-la para a escada, enfiámo-la no elevador, saímos no átrio da escada e eis que encontramos os velhotes do 4.º dto:

- As meninas vão andar de bicicleta? Olhem que começou agora a chover e ainda escorregam e caem...

Fomos até à porta do prédio tirar as dúvidas, voltámos a enfiar a bicicleta no elevador, regressámos a casa e voltámos a arrumá-la.

E foi assim a nossa primeira lição para aprender a andar de bicicleta :P

8 comentários:

Nikkita disse...

Opa...! Isso é que é ter um belo timing! lol

:P

Pedrasnuas disse...

Fica para uma próxima...Beijinhos

Su disse...

ahahahah! =p

samartaime disse...

E compraram bicicletas daquelas com rodinhas atrás? Parece-me mais urgente que o capacete. E uma terceira pessoa para chamar a emergência médica: é da tradição que se ciclista cai a olhante acompanha-a na queda.rsrsrs

Esperemos que amanhã esteja sol e tenham um bom passeio.

Pugo disse...

:D :D :D :D

Foi um passeio sem quedas!!!

halbling disse...

O que os velhotes vos queriam dizer era "100 medos"! lol

Xu disse...

lol muito bom :D à quarta é de vez:)

Ana Pereira disse...

:-) Vejo que, 18 meses depois, a bicicleta ainda não está dominada.

Não são precisas rodinhas, nem capacete, nem quedas para aprender a andar de bicicleta, e 6 horas costumam ser suficientes. É como aprender a nadar: podemos conseguir safar-nos sozinhos, mas com um instrutor é sempre mais fácil, mais eficiente, e mais seguro! ;-) Atenção que "andar de bicicleta" não é só conseguir manter o equilíbrio a pedalar, da mesma forma que conduzir um carro não é só usar o volante e carregar no acelerador... Venham experimentar as nossas aulas na Estrela (Lisboa), fazemos isto desde 2008! :-) http://cenasapedal.com/blog/aulas-de-bicicleta